Websérie Sua Vida- Episódio 11

20/06/2010

Websérie Sua Vida episódio 11- Penúltimo episódio



Heloíza ainda que surpresa ao descobrir a verdade sobre Laís, ainda duvida de Paula.



Heloíza:- Impossível que você seja filha de Roberto, a Paula, ou Laís, seja quem for, ela fez o exame de DNA, e deu positivo.


Paula:- Acontece, que ela não fez exame de sangue, ou seja, ela fez através de um fio de cabelo meu, para poder apresentar na hora do exame de DNA, é óbvio que daria positivo.


Heloíza:- Então é por isso que ela não quis fazer o exame de sangue, ela alegou, que tinha traumas de agulha, e o Roberto, cego e crente que ela era sua filha aceitou numa boa, sim, pois ela contou toda a história, inclusive, trouxe até um cordão que o Roberto havia dado para sua mãe, quer prova maior que essa.


Paula:- Cordão no qual minha mãe me deu antes de morrer.


Heloíza:- Ok, e você, porque veio para o Rio de Janeiro? Veio atrás da fortuna do papai como a irmã vigarista?


Paula:- Escute aqui senhora, eu quero deixar bem claro, que eu não vim atrás de dinheiro algum, só quero fazer justiça, pois assim como vocês eu também fui vitima da Laís, ela mandou o pai dela me seqüestrar, para poder vir até o RJ, se passar por mim, ela veio buscar aquilo que eu podia ter, mas não quis, assim que a minha mãe faleceu, eu decidi que não viria atrás de dinheiro algum, nunca precisei, tenho minha profissão, a Laís não se conformou com minha decisão e resolveu roubar a minha vida, se passando por mim, e agora tudo o que eu mais quero, é que essa situação seja resolvida o mais depressa possível, e mais, que a justiça seja feita.


Heloíza:- Ok, você me convenceu, agora, a gente não pode ficar parado aqui, precisamos fazer alguma coisa, vou ligar para a polícia agora.


Gustavo:- Não, espere mamãe, que tal se a gente brincasse um pouco com ela, e se você Paula, fosse a essa festa e desmascarasse ela, na frente de todos, sim, diante dessa situação, ela não terá como mentir.


Lucas:- A idéia é boa.

Paula:- Eu não sei se seria uma boa idéia não, a Laís não gosta de ser humilhada, ainda mais em público, na boa, é melhor não, vocês não sabem do que ela é capaz.



Heloíza:- Aí que ta Paula, ela não poderá fazer nada, a polícia estará lá, poxa, depois de tudo o que ela aprontou, isso seria pouco até, e mais, nessa última conversa que eu tive com o Roberto, na qual ele me expulsou de casa, eu senti que ele já está com um pé atrás com ela, ele já está desconfiando de alguma coisa, é só questão de alguém abrir os olhos dele, e esse alguém, é você, a justiça agora está em suas mãos, só depende de você.

Paula:- Ok, vocês me convenceram, eu topo, eu vou a essa festa.

 
E em São Paulo...
Cabeça:- Ei, D. Gertudes, pô, ta certo que eu sou um bandido, marginal, não valho nada, mas será que a senhora poderia ao menos me dar um prato de comida?


Paulão:- Gertudes, ele ta com fome, trás aí o prato do cachorro, e coloca aquele mingau que você preparou pro Totó.


Gertudes:- Ah ele ta com fome?Infelizmente, o Totó, comeu tudo, e agora se ele quiser comida, só no xadrez, o Lucas acabou de ligar, e já autorizou que nós chamássemos a polícia, e eu já chamei, a essa altura ela já deve estar a caminho.E parece que hoje vai ter uma festa hoje lá na mansão do pai da Paulinha, e eles vão desmascarar ela na frente de todos, nossa, eu queria estar lá para ver ela sendo presa, sim, depois de tudo o que ela fez, eu não a considero mais como gente.


Paulão:- É isso aí, lugar de bandido é na cadeia.
A polícia chega, e leva Cabeça. A polícia do Rio de Janeiro também é acionada para prender Laís, assim que ela for desmascarada.
                                             Heloíza, Gustavo e Maria chegam à festa:
 
Laís:- Ora, ora, que honra recebê-los justo na minha festa de apresentação pra high society, ah, já sei, vieram por causa dos comes e bebes, mas ó, vou logo avisando, se sumir um salgadinho em uma das mesas, eu mando prender os três, inclusive você, viu Maria?



Maria:- Desculpa, mas acho que a polícia estará muito ocupada hoje à noite, e mais, eu to de dieta.


Gustavo:- E faz muito bem Maria, afinal, nós só estamos aqui hoje, por um motivo muito especial, no qual, não queremos perder.


Laís:- Aé maninho posso saber, qual é o motivo?


Heloíza:- Surpresa! Você não vai querer estragar a surpresa não é, agora da licença, pois agora nós queremos aproveitar a festa, afinal, a noite de hoje, promete.


Laís:- Como assim, ei! O que vocês estão aprontando? Ei! Voltem aqui! Não me deixem falando sozinha.Eles estão aprontando alguma coisa, eu preciso descobrir o que é, já sei, vou ligar pro meu pai.


  Laís:- Droga, aquele idiota, esta com o celular desligado, será que ele já deu um fim na Paula e no Lucas, como eu mandei? Espero que sim, ai, ai! Calma Laís, calma, respire fundo, essa noite é sua, nada pode dar errado, é só hoje, amanhã você acaba com o velho, pega tudo, passa para o seu nome, e pronto, Laís Monteiro, será a mais nova milionária do Brasil.
 

E no apartamento de Gustavo, Paula se prepara para a festa.


Paula:- E aí meu amor, como estou?


Lucas:- Linda como sempre.


Lucas tenta beijá-la, mas ela evita, afinal, eles estão quase atrasados.


Paula:- Para Lucas, para, e vamos logo, estamos mais que atrasados.


Lucas:- Ok vamos.


Laís está pensativa, e ao mesmo tempo, muito nervosa, afinal, nada pode dar errado, caso contrário, ela vai pro olho da rua, ou pior, presa.


Roberto:- Você está linda minha filha.


Laís:- Vê se não enche!


Roberto:- Como é que é?


Laís:- Ai desculpe papai, é que eu pensei que era um daqueles caras, que trabalha lá na sua empresa, tem um cara que não para de me perseguir, ta dando em cima de mim o tempo todo.


Roberto:- Quem é esse cara, que eu já mando os seguranças expulsarem ele daqui agora, e ainda o demito.


Laís:- Ai não sei lhe dizer agora, mas pode deixar se eu vê-lo eu falarei a você.


Roberto:- Filha, chegou o grande momento, o momento de apresentar você para a sociedade, a minha filha, a filha que eu tanto quis conhecer, que tanto procurei, que sempre amei, mas nunca soube onde estava, enfim, vamos?


Laís:- Ufa! Vamos lá!

Roberto e Laís se dirigem até o palco.



Roberto:- Senhoras e senhores, chegou o grande momento de nossa festa, é com muito orgulho, e muita felicidade, que apresento a vocês, a minha filha, a filha que eu sempre sonhei em conhecer, que procurei durante anos, e que por um milagre de Deus, surgiu com uma luz, com vocês, a minha filha, Paula Sullemann!

Laís sobe ao palco, todos aplaudem, mas Gustavo logo sobe ao palco e interrompe.


Gustavo:- Um momento senhoras e senhores, essa não é a verdadeira Paula Sullemann!
Todos:- Óóóoóóóóóh!!!
Roberto:- Gustavo! O que você está dizendo?
Gustavo:- Pai, senhoras e senhores, presentes aqui nessa festa, apresento a vocês a verdadeira Paula Sullemann!



Paula sobe ao palco e todos aplaudem.



Laís:- É mentira papai, eu sou a Paula Sullemann, você sabe disso, essa daí certamente é uma impostora que está querendo se aproveitar da situação e roubar o meu lugar.


Paula:- Chega de teatro Laís acabou, eu sou sim a sua filha senhor Roberto, e posso provar.


Roberto:- Como assim, quem é Laís, eu não estou entendendo nada, dá para alguém me explicar o que está acontecendo aqui?


Paula:- Eu posso explicar, prazer, eu sou Paula Sullemann, e essa daí, que se diz ser eu, na verdade, se chama Laís Monteiro, ela é minha irmã e veio para o RJ, para aplicar um golpe no senhor, ela trouxe um cordão, um fio de cabelo meu, uma identidade falsa, e a cara de pau, de vir até aqui, se passar por mim, não é maninha?


Roberto:- O fio de cabelo é isso! Então foi por isso que você não quis fazer o exame de DNA, através do sangue, não é mesmo? Sua vigarista!






©2010-Cinequarto

0 Soltaram a voz!:

Postar um comentário

Gostou ? Então comenta! Sua participação é muito importante para nós!

AtRaÇõEs ReCeNtEs ...








Siga-nos no Twiiter:

 
CINEQUARTO TV © 1997-2017 | Designed by Júnior GrigoloCTV Theme